Soa-se a SNC

Dezembro 18, 2009


Em certos cafés entram contabilistas e administradores. Servem-se, sentam-se, com expressão preocupada. Soa-se a SNC como tema de conversa: o Sistema de Normalização Contabilística, que entra em vigor em 2010. Com o natural receio por tudo o que ainda é desconhecido, há quem pergunte, há quem tema, há quem não hesite em planear a transição da forma mais benéfica para a empresa. Os contabilistas, assustados com o trabalho moroso de transição que se antevê; os gestores, preocupados com o possível impacto financeiro e fiscal das respectivas transições.

Perguntámos à Manuela, que abriu o seu grande guia SNC:

“O SNC é um sistema contabilístico com base em princípios e não tanto em regras explícitas, tendo por objectivo:

• Aumentar a relevância da informação financeira, estando assente num conceito de divulgações alargadas, o que proporciona informação mais transparente, com os consequentes benefícios para a entidade decorrentes de uma atitude de maior confiança dos utentes das contas.
• Aumentar a comparabilidade da informação financeira

A mudança do POC para o SNC implica uma verdadeira revolução na contabilidade em Portugal!”

Deixamos a pergunta em aberto neste nosso café: que mudanças, vantagens ou desvantagens, trará para a sua realidade?